Protocolos de auditoria rigorosos

Os sistemas de gestão integrada e uniforme da Indaver garantem a segurança, fiabilidade e rastreabilidade dos seus processos. Cabe ao departamento de Qualidade, Ambiente, Saúde e Segurança determinar se a Indaver e os seus parceiros estão a operar em conformidade com os códigos das melhores práticas, procedimentos operacionais, legislação e diversas acreditações e licenças, pelo que desempenha um papel importante na organização de auditorias internas e externas.

  • Auditorias governamentais: Em todas as regiões a atividade da Indaver é regularmente controlada pelas autoridades públicas licenciadoras ou que supervisionam essas licenças.
  • Auditorias SEVESO: Tendo em conta a quantidade de resíduos perigosos armazenados e tratados, algumas instalações da Indaver (Hamburgo, Biebesheim, Frankfurt, Estugarda, Antuérpia, Hoek e Dublin) são abrangidas pela Diretiva SEVESO, relativa aos riscos associados ao armazenamento e manuseamento de resíduos perigosos. A Diretiva destina-se a prevenir acidentes graves e minimizar o seu impacto nos seres humanos e no ambiente. As medidas preventivas e os programas de inspeção e manutenção numa instalação SEVESO são auditadas periodicamente pelas autoridades competentes.
  • Auditorias pelos clientes: Regulamente, os clientes tiram partido da oportunidade que a Indaver lhes oferece de serem eles próprios a efetuar auditorias (às instalações). Estas auditorias fazem parte do processo de aceitação da Indaver enquanto empresa de tratamento de resíduos (auditorias pré-contratuais), ou de uma avaliação provisória de um fornecedor (auditorias pós-contratuais).
  • Auditorias por agências de certificação: Na sequência da certificação do nosso sistema de gestão, existe um organismo de certificação independente e acreditado que confirma formalmente que estamos a operar corretamente. Dependendo do tipo de instalação, a Indaver tem certificações ISO 9001, ISO 14001, e OHSAS 18001, bem como certificações regionais específicas.

Auditorias de terceiros

O Grupo Indaver gere ativamente os subfornecedores. 
Junto às nossas instalações internas. O segmento de serviços industriais da Indaver tem um departamento centralizado de Fluxo de Resíduos com acesso a mais de 300 instalações de tratamento externas que concedem uma capacidade adicional ou tecnologias alternativas para oferecer aos clientes uma solução "Otimizada". Os parceiros fiáveis são selecionados em função da localização geográfica, flexibilidade, elevados padrões de qualidade, serviços prestados e preços. 
Os parceiros de logística que transportam resíduos perigosos (transporte ADR) também têm de cumprir requisitos rigorosos. Os departamentos de logística da Indaver possuem excelentes contactos com parceiros externos para oferecer aos clientes o melhor serviço de logística. Deste modo, oferecemos sempre um serviço de logística LEAN ao custo mais baixo possível, sem nunca descurar a segurança e a qualidade. 

Soluções em total conformidade
O departamento de Fluxo de Resíduos, Logística, Qualidade, Ambiente, Segurança e Saúde (QESH) da região tem a responsabilidade de monitorizar e avaliar os centros de tratamento. Utilizam-se diferentes ferramentas de avaliação do desempenho como, por exemplo, o questionário de pré-qualificação PQQ (Pre-Qualification Questionnaire). Todos os centros de tratamento externos que tratam e processam materiais residuais críticos (por natureza e composição e/ou por processo) com potenciais riscos para o ambiente, estão sujeitos a um procedimento de aprovação QESH específico antes da utilização, para evitar possíveis responsabilizações. Analisam-se informações e documentos como: autorizações/certificações/aplicações para técnicas de processamento de resíduos, sistemas de qualidade geridos, registos/acreditações relativas ao transporte de resíduos, conformidade com os 10 códigos de boas práticas, procedimentos, relatórios ambientais, administração, etc. da Indaver. Mediante a avaliação positiva, todas as partes são informadas da decisão e dos passos seguintes, definidos num procedimento interno, e a colaboração pode assim ter início.

Share this page